Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nas Nuvens de Um Terceiro Andar

Nas Nuvens de Um Terceiro Andar

O que se lê aqui por cima #2

Novembro 26, 2016

Nuvem

image.jpg

 

 

Resumo: "Sentir, de Cristina Ferreira, é um inspirador livro de memórias a que ninguém fica indiferente.

Cheio de revelações, tocado pela surpreendente magia da sua escrita, mostra o percurso de trabalho e sacrifício de Cristina na busca determinada pela realização de um sonho.

O passado não guarda só as memórias. É nele que se inscrevem as histórias que nos moldam e nos transformam. A sorte de uma família perfeita faz o resto. Muitos me perguntam como consigo, qual o segredo do meu sucesso. Talvez aqui encontrem respostas. Este livro é uma partilha muito pessoal dos meus momentos, do que fez a diferença na minha vida. Não é um romance, mas está cheio de amor. E também de algum desamor. As imagens tornam-se aliadas de uma memória que me foi passada ou que vivi. Não sou mais do que gente normal à procura do sonho. Nunca tive a pretensão da escrita, mas encontro nas palavras uma forma de me revelar. Cabe a cada leitor encontrar os seus momentos-chave. E neles descobrirá a sua chave do sucesso."
 
Confesso que sou fã desta senhora. Posso não gostar de certos vestidos que usa ou de certos gritos histéricos que dá. Mas sou realmente fã do trabalho, da forma discreta como leva a vida pessoal, de como nunca se deixou deslumbrar quando tinha todos os motivos para isso.
Por isso, e a pouco menos de um mês do meu aniversário, pedi ao maridão o livro como presente. Primeiro, porque livros são sempre as minhas prendas prediletas, e depois porque tinha mesmo curiosidade em ler.
Já li. Lê-se de uma forma muito fácil e sem rodeios. Como ela é. Como já escreve na revista e no blog. Não é uma biografia, como tantos disseram. São passagens da vida dela e das coisas dela. Algumas já públicas, outras não.
Gostei. Gostei muito.
 
Parabéns Cristina. Mais um grande sucesso na tua vida.

A escolha do vestido de noiva

Novembro 25, 2016

Nuvem

Escolher o vestido de noiva era uma das minhas maiores dores de cabeça. Porque sabia exatamente o que não queria.

Sempre quis casar, sempre sonhei com o meu vestido. Mas nunca com vestido de princesa. Nada de tules, folhos ou rendas. Nada de saias muito rodadas ou em balão. Nada de lençóis a caír muito justos.

E isso levantava-me um problema: quase todos os vestidos são algo deste género. Do que não gosto.

Antes de ir a lojas, fiz uma pesquisa pelos sites das principais marcas de noivas. Pronovias, San Patrick, Rosa Clará e Aire Barcelona. E, foi neste último, que vi um e pensei: é este.

Quando fui à loja, a primeira coisa que me disseram foi que quase nunca o que sonhamos é o que levamos e que poderia não me ficar bem, não assentar bem no meu corpo. Mas eu sabia que tinha de ser aquele. Simples e elegante. Foi amor à primeira vista. E, tudo na minha vida tem sido assim. Não há amor como o primeiro.

Experimentei alguns 20 antes de chegar ao meu. E continuava com a mesma opinião.

Quando experimentei, soube que tivera sempre razão. Aquele era o meu vestido. Tinha de ser:

2016_ORNELA_AIRE_BARCELONA_2.jpg

 

2016_ORNELA_AIRE_BARCELONA_3.jpg

 

Foi feito apenas um pequeno ajuste, que foi pôr na cintura a mesma pedraria que no pescoço. A cauda era amovível, o que na hora de dançar deu um jeitão. Muitos não gostarão, mas este foi o meu vestido. E foi o de sonho. E nunca me vou cansar dele..

LM0190 (Small).jpg

 

 

A saudade aperta

Novembro 24, 2016

Nuvem

Tenho saudades dela. Muitas.

Já passaram alguns anos. 14, para ser mais precisa. Ela já não conheceu o maridão nem me viu crescer. Tinha eu 12.

Disseram-me sempre que com o tempo ia ser mais fácil. Que seria mais fácil de suportar. Não é. A saudade não diminuiu. Apenas se foi atenuando. Mas ao mínimo sinal, à mínima lembrança, dói. Dói muito.

Era uma pessoa que não gostava de receber presentes mas adorava dar. Por esta altura, já teria ido comprar quase todas as prendas de Natal. Marcava as pessoas em cada embrulho, por conseguir dar sempre "exatamente" o que a pessoa precisava.

Fazia tudo a toda a gente. Não sabia dizer que não. Nunca, a ninguém. Todos diziam ser a melhor pessoa do mundo.

No dia do funeral, poucos apareceram. Fez tudo por todos. E, no último dia, ninguém esteve lá para ela.

Mas tenho saudades tuas. Tantas que não são passíveis de passar para o papel.

E amo-te. Vou-te amar sempre.

Make-a-Wish

Novembro 23, 2016

Nuvem

Quando tivemos de decidir quais as lembranças a dar no nosso dia, passou-me imediatamente pela cabeça a Make-a-Wish. Porque sou voluntária e acho que trabalham por uma das causas mais nobres que existem: fazer crianças felizes.

Assim, doámos o dinheiro que seria para as lembranças.

recebi este e-mail há uns dias:

 

"Serve a presente comunicação para a informar que, graças ao donativo do seu casamento, foi possível ajudar a realizar parte do desejo da Leonor."

 

E toda eu sou felicidade. Porque ajudei uma menina. Porque a fiz feliz!

 

TDT em greve

Novembro 22, 2016

Nuvem

15073518_1142370739214460_6849076252211836487_n.jp

 

 

Não. Não estou a falar dos aparelhos de televisão. Estou a falar de 18 carreiras da área da saúde que estão em greve.

 

Coloco aqui um texto para perceberem a importância de cada um deles. E não, não estão a lutar por menos horas ou mais dinheiro. Estão a lutar por ter uma carreira.

 

"Vamos analisar o percurso do Sr. António Silva (nome fictício), diagnosticado com um cancro de cabeça e pescoço, vejamos quais os Técnicos de Diagnóstico e Terapêutica estarão por detrás do tratamento da sua doença.

Atenção, são apenas alguns exemplos, pois os técnicos que se seguem terão outras acções para lá das descritas:

O Técnico de ANÁLISES CLÍNICAS no laboratório e no internamento para o tão imprescindível todos os dados analíticos sanguíneos e marcadores tumorais, mas não só, tambem lhe faria provas de compatibilidade sanguínea e seleccionaria sangue para cirurgia e possivel transfusão.
O Técnico de RADIOLOGIA para lhe ser realizada uma TAC e/ou Ressonância magnética.
O Técnico de MEDICINA NUCLEAR para lhe ser realizada a PET.
O Técnico de CARDIOPNEUMOLOGIA para um electrocardiograma e ecocardiograma, a fim de avaliar não só os níveis de toxidade provocados pela quimioterapia mas também os danos já causados a nível da função cardíaca.
O Técnico de NEUROFISIOLOGIA para a avaliação de potenciais alterações neurológicas decorrentes da sua cirurgia.
O Técnico de ANATOMIA PATOLÓGICA para a sua biópsia, citologia e cirurgia.
O Técnico de FARMÁCIA para a preparação da sua quimioterapia e da nutrição parentérica.
O AUDIOLOGISTA para avaliar e intervir nos efeitos da quimioterapia ao nível da sua audição.
O Técnico de ORTÓPTICA para avaliar e intervir nos efeitos da quimioterapia ao nível da sua visão.
O Técnico de RADIOTERAPIA para as sessões de radioterapia, que serão a terapêutica fundamental para a recuperação do doente.
O HIGIENISTA ORAL para a aplicação de Flúor Tópico durante o tratamento de radioterapia.
O Técnico de PRÓTESE DENTÁRIA para avaliar e intervir nos efeitos d dos vários tratamentos ao nível da sua boca.
O TERAPEUTA DA FALA para avaliar e intervir nos efeitos dos vários tratamentos ao nível da fala, voz e deglutição.
O DIETISTA para adaptar a sua dieta face aos tratamentos e aos seus efeitos na deglutição.
O FISIOTERAPEUTA para avaliar e intervir nos efeitos dos vários tratamentos ao nível das funções musculo-esqueléticas e respiração.
O TERAPEUTA OCUPACIONAL para avaliar e intervir nos efeitos dos vários tratamentos ao nível da sua funcionalidade e independência no trabalho, vida social e doméstica

Imaginemos ainda que infelizmente, o paciente teve que ser sujeito a uma amputação parcial de um membro, obviamente que necessitará de um ORTOPROTÉSICO, no sentido de orientação e realização da dita prótese que o Sr. António precisará .
É ainda o Técnico de SAÚDE AMBIENTAL que trabalha para prevenir que estejamos expostos a factores de risco para a saúde e que possam ter contribuído para a sua doença oncológica. Como por exemplo, até a qualidade da água que bebemos nas nossas casas foi avaliada por um técnico de saúde ambiental.
Acabámos de nomear 18 PROFISSIONAIS DE SAÚDE que em nada são imprescindíveis ao nosso Serviço Nacional de Saúde."

 

Já fizemos a árvore de Natal!

Novembro 22, 2016

Nuvem

Pois é, no domingo, o maridão cedeu à mnha vontad e, com a ajuda do youtube e muitas músicas tradicionais de Natal, fizemos a nossa primeira árvore na Nuvem! Ainda não está completa poque comprámos a estrelinha para o cimo no ebay e ainda não veio..

Mas ficou mesmo gira! Mostro depois quando estiver completa! E vocês, já fizeram?

Pág. 1/3

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D