Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Nas Nuvens de Um Terceiro Andar

Sab | 31.12.16

2016

Nuvem

 

large.jpg

2016 foi com certeza o ano mais marcante da minha vida. Da nossa.

Não foi tudo bom. Porque não foi. As duas operações do M e o acidente dele acabaram por manchar um ano que tinha tudo para ser o melhor. Mas, acabou por o ser.

O casamento foi mesmo o melhor dia das nossas vidas. Mais de metade do ano foi passado a preparar tudo para aquele dia e, confesso, houve dias de muito cansaço... Quando somos nós a planear e a fazer tudo, desde lembranças a convites, acaba por dar MUITO trabalho.. Mas...Foi único ter ali todos. Todos. Ou melhor, todos o que era possível. Não é passível de colmatar a falta que fez lá a G. ou o avô do M. Mas, e não sabendo explicar nem como nem porquê, senti que estavam lá, na hora em que olhei para Nossa Senhora dos Milagres, a padroeira da capela. Eles estavam ali, de mãos dadas connosco.

Depois, em 2016, fomos campeões da europa de futebol. E, querendo ou não, gostando-se ou não de futebol, foi um momento único nas nossas vidas. Ainda hoje tremo ou fico emocionada quando oiço o relato do golo do Éder. Provámos que Portugal é muito mais que um país à beira-mar plantado.

A lua-de-mel foram também dias únicos. O México tem realmente uma cultura muito diferente da nossa mas boa. É fácil de respirar lá. Foi um descanso merecido que ambos precisávamos.

O vir viver juntos para a nossa Nuvem foi o passo que já precisávamos. Depois de 11anos de namoro, ou era agora ou não era. E tem corrido como esperado: muito bem. Complementamo-nos. Claro que já discutimos. Claro que já houve amuos. Mas em cinco minutos, já me esqueci!

Estou bem. 2016 foi um bom ano.

2017? Esperemos que nos traga agora a estabilidade. Precisamos agora da calma que este 2016 não nos deu. Precisamos de menos sobressaltos e menos sustos (o meu coração não aguenta!). Precisamos de dias de passeio. Precisamos um do outro. E isso temos ;)

Entrem em grande em 2017! E rodeiem-se das vossas pessoas! Isso é mesmo o melhor que podemos ter!

 

1 comentário

Comentar post