Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Nas Nuvens de Um Terceiro Andar

Ter | 27.11.18

Cartas para ti #2

Nuvem
Meu amor,

Ver-te chorar é mau. Ninguém nos prepara para isso.

Nenhum livro nos ensina a lidar com a dor dos nossos filhos. É o sentir de uma incapacidade. É o sentir de uma inutilidade.

Quando choras, e nesses olhos que são umas azeitonas tão verdadeiras, te vejo lágrimas, o meu coração pára. Ali, sei que o meu coração encolhe de cada vez que isso acontece.

E o amor é isto. É ver-te sofrer e eu sofrer também. Ainda mais. Mas é também amar-te em cada lágrima. É o saber que farei tudo para que não as derrames. Mas saber que chorar às vezes também (te) faz bem...

Mas quando finalmente sorris? Ai... Aí, tudo deixa de importar. Porque por esse sorriso, vale tudo. As noites mal dormidas, os momentos de desespero, o cansaço sem fim. Quando sorris parece que o tempo pára. E que, nesse instante, ganhei o dia. Todoa os dias.

 

Esse sorriso é o meu euromilhões.