Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Nas Nuvens de Um Terceiro Andar

Dom | 21.06.20

Porque o "Vai ficar tudo bem" não é para todos

Nuvem

104832954_280285253171383_8988862406292799607_n.jp

(foto do Instagram de Pedro Lima)

 

Acho que a notícia de ontem de que um ator tão querido e tão talentoso tinha partido não passou despercebida... A forma como aconteceu não pode deixar ninguém indiferente.

A verdade é que nesta vida louca de correria, nesta vida em que pouco tempo temos para olhar olhos nos olhos quando perguntamos aos nossos se "está tudo bem contigo?", muitas vezes deixamos escapar um pedido de ajuda, um olhar desprovido de esperança.

Que nos sirva de lição de uma vez por todas. Que nos mostre que temos que ter tempo para os nossos. Que falar com eles não é perder tempo. Para os ouvir e ver com olhos de ver. Para que não sejam fugazes os encontros. Para que, se formos nós a perder essa luz nos guia, não tenhamos medo nem vergonha de pedir ajuda. Que consigamos ver o que de melhor há no pior dos momentos.

Muitos dirão que um suicídio (a ser verdade que o foi) é um ato de cobardia e de egoísmo perante os que ficam a sofrer (nem imagino o quanto!). Não cuspamos para o ar... Em momentos de extrema dor e desorientação, a nossa mente pode ser a nossa pior inimiga.

Para todos os que o amavam (e parecem tantos, pela personalidade afável e querida  que sempre demonstrou) não vai ficar tudo bem. Infelizmente, não pode ficar depois de se perder um amor, um pai, um filho, um amigo.

 

Que merda de ano este.

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.